terça-feira, 14 de julho de 2009

Sobre visitas

Essa semana recebemos hóspedes – um casal de amigos holandeses, que fez uma visita parcelada em duas vezes, com direito a viagem à Tailândia no meio.

Quem mora fora sabe como funciona o esquema das visitas. Minha amiga Luiza morava em Barcelona, um dos destinos mais populares na Europa, e um dia me mandou um email gigante explicando que o número de amigos (e nem tão amigos) indo visitar era tão grande que ela não aguentava mais. Estava estafada.

Acho que isso não vai acontecer comigo aqui, por que é longe pra dedéu, e por que não é um destino tão popular assim. Mas já na minha primeira experiência com visitas deu pra ver os dois lados de hospedar gente em casa.

Visitas exigem atenção e cuidado. Você tem que planejar, preparar a casa, uma programação interessante. Tem que estocar comida e bebida pensando nos gostos de cada um. Tem que pensar nos imprevistos e deixar tudo limpo, lindo e organizado para agradar seus hóspedes e causar uma boa impressão.

Receber visitas é ótimo por que você passa tempo com amigos queridos, pode mostrar a cidade onde está morando, se diverte, dá risada, mata as saudades, põe o papo em dia, etc. A casa fica cheia, a programação é intensa e tem coisas que você só faz quando vem gente de fora.

Já o lado ruim, merece uma lista... que vou fazer como se fosse um guia de do’s and don’ts (e sim, serve como desabafo da experiência mais recente):

1) Quando te perguntarem o que você gostaria de ver e fazer durante sua temporada na cidade, seja claro, fale quais são seus interesses e o que você não faz a mínima questão de fazer para não desperdiçar o tempo de ninguém – nem o seu, nem o do seu host.
2) Não reclame o tempo inteiro que não tem dinheiro. E se reclamar, aja de acordo, e não peça entrada, prato principal e sobremesa nos restaurantes, e não saia comprando tudo que vir pela frente.
3) Reclamar que a cidade é cara o tempo inteiro e toda vez que vir uma conta não é legal. Venha sabendo que Singapura é caro e tente reduzir os comentários negativos em 50%.
4) Pode reclamar do calor, que é grande mesmo, e pode usar o ar condicionado à vontade. Desde que você esteja no ambiente ou prestes a entrar lá. Ar condicionado ligado o dia inteiro só serve para refrescar os fantasmas e bombar a conta de luz.
5) Ajude um pouquinho nas tarefas da casa: lave a louça do café da manhã, recolha os trocentos copos que você usa e vai deixando por onde passa, não deixe seus pertences jogados no chão da sala.
6) Ofereça ajuda: para limpar, arrumar ou comprar algo. Provavelmente o host não vai aceitar, mas vai ficar feliz de ouvir sua oferta. Mostra atenção e cuidado.
7) Agradeça seus hosts, traga um presentinho, e se não der, ofereça para pagar uma refeição ou a conta do supermercado. Qualquer demonstração simples de gratidão serão muito bem vindas.

Essas são sugestões simples para tornar a experiência mais agradável, e, quem sabe, ouvir seus hosts dizerem (sinceramente) que esperam seu retorno.


PS- Não me entendam mal, continuo querendo receber muitas visitas! Não precisam ficar com medo de que eu vou postar um texto aqui no blog reclamando de vocês assim que passarem no portão de embarque. Claro que não vou fazer isso, mas se necessário for vou usar o blog do Steven e escrever em holandês! HA! Just kidding.

10 comentários:

  1. eu comecei lendo o post pensando em já decidir o proximo destino que não Singapura...ahahhah
    mas não, vc listou o basico (tipo aquilo que não precisaria falar).
    Vou continuar com a cotação.beijo ni

    ResponderExcluir
  2. Macau,
    Desde abril vc já recebeu muuuuitos hóspedes.
    Pendura a lista dos Do's e don'ts na sala.

    Beijo e saudades

    ResponderExcluir
  3. Amiiiiiga, fico aqui pensando... Se eu te conheço você foi é delicada nesse post. hahahah.
    Mandou bem, tb acho que a lista de do´s and don´ts na verdade são tópicos da boa educação em todos os lugares!
    Espero poder ir te visitar logo.
    Beijos com saudades

    ResponderExcluir
  4. é, são comentários básicos, mas tem gente que não tem noção nenhuma mesmo...
    Mas o bom é que quando as visitas forem realmente SUAS, você sabe que a gente é legal. E, se não for, tem toda a liberdade pra puxar a orelha...
    beijo

    ResponderExcluir
  5. Ni,
    pois é, triste quando o básico precisa ser dito!

    Harumi,
    boa idéia, vou botar numa moldura dourada bem grande!

    Eli,
    vc me conhece muitooooooo! Censurei algumas coisas, se fosse escrever tudo que passou na minha cabeça... o blog ia sair do ar! hahahah

    MH,
    exatamente, não eram MINHAS visitas! Qdo vierem amigos meus vou curtir de outro jeito e puxar a orelha se for necessário!

    Saudades de todas vocês!
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Então, Singapura!? Legal! :) E eu nem sabia que vc era blogueira também! Haha!


    Com relação a sua lista de do's and don'ts, são todos corretíssimos, mas ainda falta alguns, tipo:
    Não colocar os pés na mesa de sala do host se ele mesmo não o faz. Não fumar dentro da casa do host, seja no banheiro ou no quarto de visitas, se os donos da casa não fumam... Ah, na verdade, ainda tem mais um monte de pontos...

    Eu já tive a cara e coragem holandesa para dizer "não" a receber visitas. Ainda mais agora com um bebê que acorda/chora de noite, de eu amamentar e ficar andando como uma múmia esfarrapada pela casa. Não tenho energia para ficar bancando a host perfeita!

    ResponderExcluir
  7. HAHAHAHHA...
    regras básicas da educação mas que poucos conhecem e aplicam/utilizam!
    Como já fui seu hóspede até em Pira - áureos tempos, lembra??!! Acredito saber me portar em sociedade... LOL
    BESOS

    ResponderExcluir
  8. Suas visitas liam o jornal na sua cara? Só pode ler o jornal na cara da dona da casa se for muuuuuito legal e parte da família, humpf!
    bjs
    mom

    ResponderExcluir
  9. Holandesa,
    pois é, esses são temas ainda mais básicos e é o mínimo que se espera!!

    André,
    claro que sim, você é finérrimo, e tirando pelo fato que vc lê jornal na cara das pessoas (como mommy já disse) você é um ótimo guest!

    mom,
    não liam o jornal porque não tinha, mas ficavam na internet o teeeeeempo inteiro. Serve?

    bjs

    ResponderExcluir
  10. Amiga, eu lavo louça, sou generosa, gastona, nada que eu gosto é caro, correria o risco de reclamar do calor, juro, só isso....
    Lilian - Best Friend

    ResponderExcluir